home > notícias

ASSOCIADOS

15/05/2018

Quais são as profissões que estão em falta em Portugal? [Nacionalidade Portuguesa]

Saibas quais são as profissões que estão em falta em Portugal e veja como conseguir emprego no país.

 

Portugal foi duramente atingido pela recessão global há alguns anos e o nível de desemprego chegou a ser muito alto. Hoje, apesar de ainda não ter se reestabelecido completamente, o país mostra ótimos sinais de recuperação e forte crescimento econômico, onde o fantasma da crise já está praticamente esquecido.

Isso faz com que pessoas de vários países – especialmente do Brasil – se sintam atraídas e procurar emprego me Portugal.

Se você sonha em trabalhar em Portugal, a probabilidade de obter sucesso é maior nas grandes cidades (como Lisboa e Porto), mas é bom estar preparado para enfrentar uma forte concorrência.

Os trabalhos casuais são mais fáceis de conseguir, uma vez que a economia portuguesa está fortemente ligada ao turismo (hotelaria, gastronomia, etc.). Mas se você busca uma profissão ou carreira específica, é importante saber quais as profissões que estão em falta em Portugal.

 

Profissões em falta em Portugal

Com a economia de Portugal mais brilhante e promissora, indivíduos qualificados já conseguem encontrar mais portas abertas no mercado de trabalho. E o custo de vida no país é relativamente baixo se comparado a outros países da Europa. Para os brasileiros, em específico, a facilidade do idioma também é uma vantagem.

O setor de serviços domina a economia de Portugal, com o turismo tendo uma importância maior. Trabalhadores autônomos e freelancers podem conseguir trabalhos mais facilmente ao utilizarem os Recibos Verdes, como já falamos aqui.

A economia como um todo está crescendo, mas existem áreas com um crescimento mais acelerado e que demandam uma necessidade maior de profissionais, como você pode ver abaixo:

  • Área jurídica: Advogado Interno e Advogado Especializado;

  • Bancos e seguros: Analista de Risco, Private Banker, Gestor Comercial e Vendedor de Seguros;

  • Comunicações: Gerente de call center;

  • Construção civil, indústria e logística: Diretor de Logística, Diretor de Manutenção, Diretor de Operações e Técnico de Assistência Técnica;

  • Contábil e finanças: Controller Financeiro, Controller de Gestão e Diretor Financeiro;

  • Recursos humanos: Diretor de RH e Técnico de RH;

  • Saúde: Médicos e enfermeiras;

  • TI: Programador, Desenvolvedor Mobile, Especialista em Business Intelligence, Especialista em Big Data e Machine Learning e Especialista em Segurança;

  • Turismo e Lazer: Gerente de Eventos, Chefe de Cozinha e Mão-de-obra para manutenção e restauração;

  • Varejo: Designer de Moda, Gestor de E-commerce, Diretor de Loja, Digital Marketing e Chefe de Departamento.

 

Como conseguir emprego em Portugal

Como a concorrência é grande, você deve começar a procurar emprego o mais cedo possível. Pessoas que não vivem dentro da União Europeia (no caso, os brasileiros) precisarão procurar e garantir um emprego antes de se mudarem para Portugal.

As candidaturas on-line são comuns em Portugal, bem como o uso de formulários de inscrição. As cartas de apresentação nunca devem ultrapassar um lado de folha A4 e os currículos devem teraté quatro páginas.

Ter um bom networking é importante para os estrangeiros que esperam encontrar trabalho. As indicações são bem-vindas particularmente nas pequenas e médias empresas.

Muitas empresas fazem várias rodadas de entrevistas para filtrar candidatos, enquanto outras podem usar testes psicométricos ou técnicos. Em algumas empresas o tempo entre a entrevista e a contratação pode levar até seis meses, então, esteja preparado para esperar.

Para os brasileiros, o grau de escolaridade/nível de formação, experiência prévia, o domínio de outro idioma (inglês, espanhol, alemão, francês, etc.) e a paciência e tempo para procurar são itens determinantes na conquista de um emprego em Portugal.

Fonte: Nacionalidade Portuguesa



NOTÍCIAS RELACIONADAS
20/08/2018
EDP recebe Troféu Transparência 2018 por boas práticas empresariais [EDP]
20/08/2018
TAP planeja aposentar o A340 mais cedo em 2019 [TAP]
20/08/2018
Sonae Sierra registra resultado líquido de €58,9 milhões no primeiro semestre de 2018 [Sonae Sierra]
20/08/2018
Embraer amplia portfólio de serviços para jatos executivos em Sorocaba [Embraer]
20/08/2018
12 Perguntas e Respostas – Empresa em Portugal [Business Portugal]
20/08/2018
Gestão integrada de projetos [Síntese Consultoria]