home > notícias

ASSOCIADOS

20/08/2019

Como garantir a segurança dos alimentos, da cadeia de produção do campo para o consumo [Apcer Brasil]

A segurança dos alimentos, de acordo com a Food and Agriculture Organization of the United Nations (FAO), “existe quando todas as pessoas, em qualquer momento, têm acesso físico, social e econômico a alimentos suficientes, seguros e nutricionalmente adequados, que permitam satisfazer as suas necessidades nutricionais e as preferências alimentares para uma vida ativa e saudável”.

Para garantir um elevado nível de proteção da vida e da saúde humanas e assegurar os interesses dos consumidores, é necessário atestar que os alimentos se mantêm seguros considerando-se a saúde e o bem-estar animal, e a proteção do ambiente. É também fundamental que a indústria alimentícia opere nas melhores condições possíveis, através da prevenção da contaminação e da promoção da higiene e da segurança dos alimentos ao longo das etapas da cadeia produtiva, do campo ao consumidor final.

A produção de alimentos seguros é conseguida pela aplicação de boas práticas de higiene e fabricação, requisitos de segurança alimentar que garantem a ausência de contaminações e a segurança dos consumidores, no momento do consumo. Esse conjunto de requisitos abrange todos os estágios da cadeia alimentar, da produção primária à transformação, passando pela armazenagem, o transporte, a importação e exportação e a venda alimentos no varejo.

Sendo o Brasil um importante fornecedor mundial de produtos do setor alimentício, está sujeito às regras dos países importadores, para além das regras nacionais de segurança alimentar. É, assim, cada vez mais evidente a necessidade das organizações deste setor apresentarem uma certificação relacionada com a Segurança dos Alimentos. Existe uma vasta gama de normas reconhecidas internacionalmente, como por exemplo: ISO 22000, FSSC22000, BRC, IFS, UTZ e RSPO, entre outros.

A certificação de acordo com uma norma reconhecida é uma ferramenta de excelência através da qual as organizações demonstram ao mercado a capacidade de fornecer produtos seguros para o consumidor. 

Fonte: Assessoria



NOTÍCIAS RELACIONADAS
17/09/2019
Aos 29 anos, Gaia Silva Gaede aposta em start ups e prepara nova geração de sócios [Gaia, Silva, Gaede Advogados]
17/09/2019
Com golfistas brasileiros, Taça do Presidente da República reúne jogadores do mundo todo em Portugal [Belas Clube de Campo - Lisbon Green Valley]
17/09/2019
Golden Visa por Fundos de Investimento: Principais Vantagens e Desafios [Atlantic Bridge Consulting & Investment]
17/09/2019
Atlantic Connection 2019 reuniu mais de 250 empresários que buscam o mercado internacional [Atlantic Hub]
17/09/2019
STF suspende processos que discutem o índice de correção do FGTS [Azevedo Neto Advogados]
17/09/2019
Instituto EDP abre inscrições do Edital 2020 para seleção de projetos sociais [EDP]