home > notícias

NEGÓCIOS E ECONOMIA

19/11/2019

Exportações portuguesa para a China aumentaram 4,12% nos primeiros 8 meses do ano [Portugal]

Portugal exportou, nos primeiros oito meses do ano, para a China, produtos no valor de 1,564 mil milhões de dólares (1,410 mil milhões de euros), mais 4,12% relativamente ao período homólogo de 2018.

De acordo com dados oficiais publicados no portal do Fórum Macau, com base nas estatísticas dos Serviços de Alfândega chineses, as trocas comerciais entre Lisboa e Pequim ascenderam a 4,494 mil milhões de dólares (4,060 mil milhões de euros) até agosto, quando no mesmo período do ano passado tinham sido de 3,943 mil milhões de dólares (3,560 mil milhões de euros).

As importações de produtos chineses aumentaram 20,07%, em relação ao mesmo período de 2018.

Portugal importou da China bens no valor de aproximadamente 2,930 mil milhões de dólares (2,641 mil milhões de euros), tendo Lisboa um saldo comercial negativo com o país asiático, de cerca de 1,366 mil milhões de dólares (1,231 milhões de euros).

Os dados dos Serviços de Alfândega chineses indicam que as trocas comerciais entre a China e os países lusófonos se fixaram em 96,984 mil milhões de dólares (87,432 mil milhões de euros) ao longo dos primeiros oito meses do ano, verificando-se um crescimento de 2,31%.

As importações da China representam a maior parte deste valor: 69,446 mil milhões de dólares (62,606 mil milhões de euros), um aumento de 3,97% face ao mesmo período em análise de 2018.

As exportações chinesas para países lusófonos registaram um aumento de 1,66%, tendo alcançado os 27,538 mil milhões de dólares ( 24,826 mil milhões de euros).

Angola surge em segundo lugar no ‘ranking’ lusófono com trocas comerciais com a China no valor de 17,671 mil milhões de dólares ( 15,930 mil milhões de euros) , com Luanda a enviar para Pequim produtos no valor de 16,396 mil milhões de dólares (14,781 mil milhões de euros, menos 1,79%) e a fazer compras de 1,274 mil milhões de dólares (1,148 mil milhões de euros, menos 10,81%).

As trocas comerciais, até agosto, entre a China e Moçambique foram de 1,652 mil milhões de dólares (1,489 mil milhões de euros), menos 4,53 % comparando com os oito primeiros meses de 2018.

A China estabeleceu a Região Administrativa Especial de Macau como plataforma para a cooperação econômica e comercial com os países de língua portuguesa em 2003, ano em que criou o Fórum Macau.

Em 2018, Portugal exportou para a China produtos no valor de 2,24 mil milhões de dólares (1,99 mil milhões de euros), mais 5,59% relativamente ao período homólogo de 2017, e as trocas comerciais entre Lisboa e Pequim ascenderam a seis mil milhões de dólares (5,3 mil milhões de euros) no ano passado, o que corresponde a um aumento de cerca de 408 milhões de dólares (364 milhões de euros), em comparação com 2017.

Em 2018, as trocas comerciais entre a China e os países lusófonos fixaram-se em 147,35 mil milhões de dólares (131,5 mil milhões de euros) ao longo dos três primeiros meses do ano, verificando-se um crescimento de 25,31%.

 

Fonte: Revista PORT.COM



NOTÍCIAS RELACIONADAS
11/12/2019
Comércio paulistano espera aumento de 3% a 7% em vendas de Natal [Brasil]
10/12/2019
OCDE aponta para estabilização do crescimento no conjunto da organização [Portugal]
09/12/2019
Portugal oferece negócios em encontro com catarinenses [Brasil]
09/12/2019
Economia portuguesa cresce acima da média europeia [Portugal]
09/12/2019
Receita abre consulta ao 7º lote de restituição do Imposto de Renda [Brasil]
09/12/2019
Banco da China quer delegações em todos os países de língua portuguesa [Portugal]